RTS

Entenda a importância da manutenção preventiva em hospitais

A manutenção preventiva é uma ação necessária que garante a segurança e o bom andamento dos diferentes setores hospitalares. Além do conserto dos equipamentos com defeitos, é importante que o acompanhamento periódico seja realizado, otimizando processos, evitando falhas e problemas que podem colocar em risco direto os pacientes atendidos.

Contudo, a manutenção preventiva nem sempre recebe a atenção necessária. Ao negligenciar procedimentos e não estabelecer o planejamento correto para isso, podem surgir inúmeros imprevistos.

Afinal, o atendimento que envolve o uso de equipamentos hospitalares pode ser interrompido quando esse cuidado não é realizado. Dessa forma, é difícil garantir o bom funcionamento das máquinas. A seguir, continue a leitura para entender a importância da manutenção preventiva em equipamentos hospitalares.

A importância da manutenção preventiva

Para oferecer benefícios aos pacientes, médicos e gestores hospitalares, as máquinas e equipamentos médicos devem estar sempre funcionando corretamente. Desse modo, é possível que seu manuseio seja realizado de forma segura, melhorando os resultados em procedimentos realizados pela equipe de saúde.

A manutenção preventiva procura prevenir problemas que podem ocorrer ao longo do tempo, devido ao desgaste natural dos equipamentos. A falta de cuidados preventivos, além de oferecer riscos à saúde do paciente e dos colaboradores, também aumenta as chances de falhas durante os procedimentos hospitalares.

Assim, a negligência com cuidados básicos, como a manutenção preventiva, pode representar perdas irreparáveis e até letais aos pacientes. Por isso, é fundamental que a manutenção dos equipamentos em hospitais, clínicas e consultórios seja realizada, visto que, além de prejuízos aos humanos, pode causar perdas financeiras.

Equipamentos e máquinas paradas ou que falham durante o procedimento podem atrasar o trabalho, desmotivar os colaboradores e gerar custos maiores. Pela complexidade que o ambiente hospitalar apresenta, a atenção especial deve ser redobrada.

Benefícios de realizar manutenção preventiva em equipamentos hospitalares

Fazer a manutenção preventiva de equipamentos hospitalares é a forma essencial para garantir seu bom funcionamento, contribuindo para a rotina da instituição. A seguir, conheça os principais benefícios de investir em cuidados como estes.

Redução do riscos de acidentes

Em comparação a outros setores de trabalho, a área da saúde apresenta 34% a mais de acidentes de trabalho, aumentando o risco de danos, sejam eles em colaboradores ou em pacientes. Ainda que não contribuam com danos diretos, às falhas em máquinas e equipamentos hospitalares devido à falta de manutenção preventiva podem induzir a interpretação de resultados equivocada por parte dos profissionais. Com isso, diagnósticos incorretos podem ocorrer.

Diminuição e organização dos custos hospitalares

Com a manutenção preventiva é possível reduzir os custos da instituição, programando-os da maneira mais eficaz. Quando o hospital ou clínica não realiza a manutenção preventiva, pode acontecer a falha do aparelho, adicionando gastos que não estavam programados para aquele momento.

O funcionamento de equipamentos médicos quase sempre exige que a manutenção corretiva seja urgente. Além disso, pode ocorrer o cancelamento de procedimentos cirúrgicos e clínicos, fatores que geram a perda de tempo e estresse na rotina dos profissionais daquele setor.

Com a aplicação da manutenção preventiva, é possível prever os custos conforme a programação previamente estabelecida. Caso algum problema seja detectado, será possível resolvê-lo antes que aconteçam maiores complicações, reduzindo os custos da instituição devido à previsibilidade no orçamento.

Redução da necessidade de substituição dos equipamentos

Quando a manutenção preventiva é realizada, a vida útil do equipamento aumenta, assim como seu estado operacional. Do mesmo modo, a redução da reposição dos equipamentos constantemente diminui. Afinal, as máquinas que são bem cuidadas não precisam ser substituídas com frequência.

Ao investir no cuidado preventivo, é possível substituir os equipamentos necessários antes que eles apresentem falhas. Assim, o equipamento terá sua vida prolongada, evitando que seja preciso realizar alterações com urgência devido a falhas. Contudo, quando a manutenção não é realizada, existem grandes chances de que ocorram falhas inesperadas, danificando outras partes das máquinas e colocando em risco a vida de profissionais e pacientes.

Prolongamento da vida útil dos aparelhos

Como vimos acima, a manutenção preventiva ajuda a aumentar a vida do equipamento. Considerando que o objetivo é que as máquinas estejam sempre funcionando em perfeito estado, o cuidado preventivo é fundamental.

Durante a manutenção, é realizada a limpeza adequada e checagem de diferentes itens do equipamento, feita para avaliar o desempenho e garantir a visão geral da qualidade operacional. Além disso, é realizada uma checagem minuciosa, avaliando se existem problemas como: cabos soltos, mal-contato, alarmes com falhas, displays inoperantes, e muito mais.

Diminuição de equipamentos parados para manutenção corretiva

A manutenção preventiva contribui para identificar possíveis falhas e problemas, além de solucioná-los antes que se tornem obstáculos para o funcionamento dos equipamentos, evitando também que as máquinas fiquem paradas devido à necessidade de manutenção emergencial.

Manutenção preventiva na RTS

Pela importância que a manutenção apresenta para o perfeito funcionamento do equipamento médico, alugar tais itens pode ser a melhor alternativa. Isso porque, ao comprar um equipamento, é preciso entender que a manutenção e substituição pode ser exigida a qualquer momento. Diante da locação, a empresa responsável pelo aluguel deve oferecer total assistência ao hospital ou clínica.

Dessa forma, em caso de falhas, o equipamento será substituído em pouco tempo, sem comprometer o atendimento ou tratamento dos pacientes. Da mesma maneira, a manutenção preventiva é realizada periodicamente, diminuindo as chances de necessidade de reparo.

A RTS é uma empresa composta por uma equipe de quase 50 profissionais, entre engenheiros, técnicos e back office. São realizados mais de 700 atendimentos de manutenção por mês, atuando na prestação de serviço técnico a contratos e atendimentos avulsos de manutenção preventiva, corretiva e calibração. Além disso, também é realizado o suporte da área comercial e projetos de gestão integrada.

Os contratos personalizados de manutenção preventiva, corretiva e calibração dos equipamentos hospitalares são sempre ofertados de modo a atender as necessidades dos clientes da melhor maneira. A empresa ainda oferece:

  • Gestão dos atendimentos pelo cliente em tempo real, via website;
  • Venda de peças originais aos clientes finais;
  • Amplo estoque de peças, visando a agilidade no atendimento;
  •  Engenheiros e técnicos homologados pelos fabricantes.

Agora que você entende melhor a importância que a manutenção preventiva representa para  a segurança dos pacientes, profissionais, e sucesso dos procedimentos nas instituições, não deixe de realizá-la nos equipamentos hospitalares.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a assistência técnica oferecida pela RTS, confira mais em nossa página!

Select the fields to be shown. Others will be hidden. Drag and drop to rearrange the order.
  • Image
  • SKU
  • Rating
  • Price
  • Stock
  • Availability
  • Add to cart
  • Description
  • Content
  • Weight
  • Dimensions
  • Additional information
Click outside to hide the comparison bar
Compare

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa Política de Privacidade